1 de abr de 2010

é tão bom quando a gente desengasga o amor que tem no peito.
o mundo fica mais leve. aquele peso das obrigações vai embora
quando o telefone toca só pra lembrar que tem alguém pensando em você.
(ainda não sei se tem sensação melhor no mundo)
 eu não quero as asas que a vida me deu,
porque quero ficar por muito tempo no teu abraço.

6 comentários:

Priscila Rôde disse...

Ser acolhido no abraço de alguém, é muito bom! :)

Tays Esquivel disse...

Gostar de alguém (ou alguém gostar de você) é bom por causa de todas essas coisas. Você tem sempre textos tão lindos e tão carregados de sentimentos, que me dá vontade de ler milhões de vezes. Adimiro muito o seu jeito de escrever. Com mais coração do que mão, ou mente.





Muitas vezes, quem está longe me ajuda mais do quê quem tá por perto. A maioria das pessoas que comentam no meu blog quando eu tô numa situação dificil (como a atual) me emocionam muito mais do que os meus amigos me dando conselhos, emocionariam. E contigo não foi diferente. Eu também só espero que passe.
Um beijo.

Little dreamer disse...

é... eu queria ainda poder fazer parte desse abraço.

paloma disse...

diana, sou frequentadora assídua do teu blog, gostaria de saber qual é o modelo dele, gosto muito, além da tua escrita, do design do blog, e não o encontro pra mudar o meu (enjoa as vzs né)..brigada, e parabéns pela tua sensibilidade encantadora! beijos fica com Deus!

Sylvia Araujo disse...

Lindo esse ninho que nos faz até dispensar asas.
Adorei tuas letras. Sentimento saindo pelo ladrão! rs

Beijomeupravocê

ErikaH Azzevedo disse...

se ele tb asas tiver , poderiam os dois andar de "asas dadas" a voar...o céu ainda é sempre o melhor lugar.


Erikah