20 de mar de 2010

Ela sabe.
De alguma maneira quando ela me olha ali encostada na porta e pergunta se eu estou bem
e eu apenas respondo 'sim', ela sabe que não é totalmente verdade.
Sabe porque me conhece mais do qualquer outra pessoa no mundo
e eu também sei disso, mas prefiro soltar meu 'sim' fingido e continuar em frente.


É o dia mais nublado do ano
e hoje eu me lembro daquele conselho:
'segura o coração com as duas mãos e vai em frente'

7 comentários:

Priscila Rôde disse...

'segura o coração com as duas mãos e vai em frente'

Que conselho heim? Ameeeeeeeei Diana!

Marii Magalhães disse...

'segura o coração com as duas mãos e vai em frente' amei.. coloquei até no sub do msn.. conselho sábio..

Little dreamer disse...

Caracaaaaaaaaaaaaaa!
vir aqui é incrivel.

Cristina Santos disse...

Às vezes é preciso segurar com força, não deixar cair e quebrar, é preciso continuar, seguir em frente sem pestanejar...

Já disse muitas vezes que aqui é sempre inspirador!

a primeira estrela disse...

Eu queria ter bem mais de duas mãos pra poder segurar meu coração.
aparece lá no meu céu :*

Tamára Roots disse...

que lindo.
o "sim" fingido, as vezes dói mais do que um "não" sincero.
sempre bom vir aqui.
bons dias.

Tamára Roots disse...
Este comentário foi removido pelo autor.