14 de nov de 2009

saiu com aquele olhar.
nem mágico nem bonito.
era calmo, talvez.
vestiu a melhor versão de si mesma e foi.
desejou inutilmente  não-estar. e estava.
corpo e mente completamente separados,
reencontrou pessoas. manteve distância do novo.
fingia lindamente que a sua vida era normal.
não se despediu e foi embora em absoluto silêncio.

eleanor rigby a entenderia.

8 comentários:

Desmanche de Celebridades disse...

Corpo e mente separados........uma definição perfeito do ser humano atual.

Abraços.

Little dreamer disse...

"vestiu a melhor versão de si mesma e foi.
desejou inutilmente não-estar. e estava."

Sim-ples-men-te TUDOOOO! *-* o.O

Tay'' disse...

"fingia lindamente que a sua vida era normal."
A-M-E-I *-*

Marcelo Mayer disse...

all the lonely people....

bela a mulher que resolve sair sem fantasia. bonita por sua própria beleza

Vital disse...

"vestiu a melhor versão de si mesma e foi."

a gente bem que tenta destilar os vários eus

lívia ramos disse...

gosto do silêncio...

Matheus N. disse...

"bela a mulher que resolve sair sem fantasia. bonita por sua própria beleza" [2]

não deixa de ser a sinceridade aquela que faz brilhar os olhos :*

Talita Prates disse...

Que bonito,
muito bonito!
Triste e bonito
(pq isso não se explui mutuamente...)

Bjo!
:)